Oficina e exposição de Origami encantam alunos

            A sala de Contação de Histórias da Biblioteca está mais colorida e decorada nesta semana. É que o Colégio São Paulo da Cruz recebe a Oficina e Exposição de Origami, da professora Ana Cristina Sabino. A atividade faz parte da Mostra Literária Passionista – Educação Infantil e Ensino Fundamental I, que será realizada sábado, 28 de setembro, mas para atender a todas as turmas, foi iniciada na quarta-feira, 25.

            Nas oficinas de origami, os estudantes são organizados em grupos de 15 e orientados por duas professoras. Antes de eles iniciarem as técnicas de dobradura do papel, a professora Ana Cristina conta a origem do origami, das tradições orientais, do Japão, onde surgiu a arte e também apresenta o tsuru (cegonha), ave considerada o principal símbolo do origami.

Com o desenvolvimento do projeto, os alunos são levados a compreender a importância dos contos na busca do respeito e da paz. Além de desenvolver habilidades motoras, o origami estimula a criatividade e o trabalho em equipe.

            Somente após o contato com a literatura, é que os alunos materializam o aprendizado, criando animais, orientados pelas professoras. “A arte do origami ensina a ter paciência, tolerância, ajuda na matemática, equilíbrio e concentração”, destaca Ana Cristina Sabino.

As colegas do 3º ano IS do EF, Maria Clara da Silva Sales e Maria Luiza Faria Drumond gostaram muito da oficina e exposição. Elas ficaram atentas à história da origem do origami e se dedicaram para aprender algumas técnicas.

Lucas Amaral Silva, do 5º ano LM, se interessou pelas histórias e costumes dos países orientais. “Quero conhecer mais desses lugares e aprender outras técnicas. Estou muito feliz em participar”.

Camila Cordeiro Pacheco, 5º ano LM, aprendeu a fazer uma borboleta, um sapo e o tsuru. “Apesar de alguns serem bem difíceis, achei muito legal participar da oficina. Vou levar os bichos que fiz para casa e guardar. Todos os objetos são muito bonitos!”, elogia.

A exposição pode ser visitada até sexta-feira (27/09), das 13h30 às 17h30; e no sábado (28/09), das 9h00 às 12h00.

 

Origami e tsuru

Origami é a arte tradicional e secular japonesa de dobrar o papel, criando representações de seres ou objetos com as dobras geométricas de uma peça de papel, sem cortá-la ou colá-la.

            Não há data exata do surgimento da arte, mas alguns historiadores acreditam que tenha surgido após a invenção do papel, quando o mesmo foi introduzido no Japão, por volta dos séculos V e VI.

            As figuras representadas no origami têm diferentes significados para os japoneses, como, por exemplo, tsuru (cegonha) que simboliza a felicidade.

 


 

 

{gallery}/2013/origami{/gallery}

Compartilhe esse artigo

Postagens Relacionadas